8
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Visando concretizar novos planejamentos, programas, projetos e práticas em geral que redimensionem o modus operandi e a cultura de atuação das bibliotecas, o Conselho Regional de Biblioteconomia da terceira região (CRB3) apresentará no próximo dia 09 uma proposta de mobilização em torno destes importante equipamentos culturais. A campanha é baseada no texto do livro “Tópicos em Biblioteconomia e Ciência da Informação: epistemologia, política e educação” de autoria do professor da Universidade Federal do Cariri (UFCA), Jonathas Carvalho, editado pela Agência Biblioo.

A proposta consiste na elaboração de uma campanha anual com um tema específico que vislumbre o protagonismo biblioteconômico a partir de uma visão participativa com os diversos setores sociais, tais como órgãos públicos, empresas de diversos ramos, movimentos sociais, órgãos de classes (conselhos, sindicatos, associações e cooperativas), escolas/universidades e sujeitos da sociedade em geral que busquem uma ampla articulação em prol da prática em ambientes de informação.

Cartaz oficial da campanha para o lançamento em Teresina no dia 09 de março. Foto: divulgação

Para inaugurar o rumo estratégico das campanhas na representação do CRB3 (Ceará-Piauí), foi escolhida a biblioteca escolar que, segundo os organizadores, se constitui como uma das bases elementares do trabalho com a informação, envolvendo os sujeitos desde a formação inicial (estudantes de ensino infantil, fundamental e médio), até aqueles responsáveis pela construção básica do conhecimento formal (professores/educadores e gestores).

Sou biblioteca escolar

O tema da campanha em 2017, “SOU BIBLIOTECA ESCOLAR”, representa um conjunto de estratégias que buscam sensibilizar e instituir um impacto social, via conjunto continuado de ações durante o ano. A campanha será lançada oficialmente conforme o seguinte cronograma: Teresina, Piauí (09 de março), Fortaleza (11 de março) e Juazeiro do Norte, ambas no Ceará, com data ainda a ser definida.

De acordo com o professor Jonathas, um dos idealizadores da mobilização, diante do quadro eminentemente deficitário, a campanha “SOU BIBLIOTECA ESCOLAR” busca empreender uma nova cultura de acesso à informação através da biblioteca escolar no âmbito da jurisdição do CRB3 (Ceará-Piauí), com a pretensão de estabelecer uma expansão de caráter nacional.

Para levar a cabo a campanha, as ações se desenvolvem em três eixos centrais: 1) publicidade – conjunto de divulgações e articulações comunicacionais-informacionais junto à sociedade via mídia tradicional (jornal, revista, tv etc.) e a mídia virtual (redes sociais, canais formais/informais de comunicação virtual), além da divulgação presencial em instituições por meio de cartazes, folders e eventos;2) fiscalização –  elemento crucial, pois com a atuação publicizadora a ideia é criar um clima de maior sensibilidade nas instituições escolares fomentando o empreendimento de um rito continuado e intenso de fiscalização nas bibliotecas escolares;3) impacto social – refletido no conjunto de ações que buscam mostrar o caráter contributivo da campanha através de ações como práticas de melhorias em algumas bibliotecas escolares, criação de produtos como manuais, guias, aplicativos, para otimizar práticas em bibliotecas escolares e eventos sociais em ambientes públicos oferecendo serviços/produtos para a sociedade.

“As ações são múltiplas e se constituem em caráter de interdependência, isto é, pode haver ação em cada eixo específico ou ações articuladas entre dois ou até os três eixos. As ações de publicidade ocorrem de maneira permanente durante todo o período da campanha. As ações de fiscalização também podem ocorrer de maneira permanente, mas mediante planejamento prévio do CRB3. As ações de impacto social serão pontualmente estabelecidas no sentido de se estabelecerem como ações consistentes e participativas”, esclarece Jonathas.

Ainda de acordo com a organização, a articulação lógica e estratégica dos eixos é que possibilitará uma campanha com grandes perspectivas de avanços e êxitos, de modo que cada um desempenhe grande relevância complementar entre si na estrutura de ação da campanha.

No lançamento oficial da campanha será divulgada também a logomarca oficial do Projeto com o Slogan da campanha/2017, o vídeo oficial, que será partilhado com a comunidade biblioteconômica, assim como as ações detalhadas da campanha, indicando as perspectivas de cada eixo, que se desenvolverão durante todo o ano de 2017.

“Em síntese, a ideia é construir de maneira coletiva, plural e partilhada, uma campanha de impacto junto à sociedade. Realçando que, embora a campanha inicie na jurisdição do CRB3, a ideia central é que se constitua gradualmente em uma dinâmica de caráter nacional, conforme indica o capítulo do livro mencionado no início, cujo título é: ‘Comemorar, refletir e campanhar’”. Portanto, o êxito da campanha, em todos os seus eixos (e ramificações dos eixos), depende fundamentalmente da participação de todos os integrantes/segmentos da biblioteconomia”, explica Jonathas.

Clique aqui e saiba mais.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Confira o Diálogos Biblioo #6 com Cristian Brayner

Próximo post

SEC/RJ responde à Bibloo sobre demissão sem “prévio aviso” dos funcionários da Biblioteca-Parque de Niterói

Sem comentários

Deixe uma resposta