0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

A plenária no 4º Fórum Nacional dos Pontos de Cultura, espaço de articulação política do Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, terminou nesta terça-feira (20) com a definição das principais propostas que serão apresentadas à ministra Marta Suplicy. As reivindicações serão apresentadas por meio da Carta de Natal, um documento com a síntese dos encaminhamentos das discussões feitas por 3 mil integrantes do Cultura Viva nos dois primeiros dias do evento.

A principal reivindicação dos pontos de Cultura é a aprovação do Projeto de Lei Cultura Viva (PL 757/2011) de autoria da deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ). O projeto, que institui o Programa Nacional de Cultura, Educação e Cidadania, já passou pela Câmara dos Deputados e aguarda apreciação do Senado Federal, onde está desde outubro de 2013.

“Com a aprovação da Lei Cultura Viva temos a possibilidade real de transformar uma política de governo em uma política pública de Estado”, considera Teotônio Roque, integrante da Comissão Nacional dos Pontos de Cultura e delegado dos pontos de Cultura do Rio Grande do Norte.

Publicado originalmente na Agência Brasil.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Marta espera que greve da Cultura acabe até a Copa

Próximo post

Roberto Carlos aciona advogados após lançamento de 'livro secreto'

Sem comentários

Deixe uma resposta