1
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Para ajudar a transformar a biblioteca num elo real entre os livros e os usuários é que a bibliotecária e gestora cultural Cleide Soares comandará a “Oficina formativa de auxiliares de biblioteca” na BDB Cultural entre os dias 28 e 30 de junho, sempre às 19h. Se a instituição é a ponte para o conhecimento, os auxiliares de biblioteca serão os guias que auxiliam nessa travessia, ou, como diz Cleide “que os profissionais sejam agentes da transformação da biblioteca em um espaço efetivamente acessível e agradável”. Esta ação é exclusiva para inscritos, mas não haverá limite de vagas preestabelecido, tendo em vista a alta demanda por formações específicas nessa área em todo o país.

A oficina é gratuita, com 6h de duração e livre para todos os públicos, mas foi especialmente pensada para profissionais que já atuam em bibliotecas, ou que pretendem atuar, com ou sem formação na área. O curso será ofertado usando a plataforma virtual Zoom. As inscrições são online e ficam abertas até a segunda-feira, 28 de junho. A seleção será por ordem de preenchimento do formulário disponível no link. Serão 100 vagas para a oficina, todas com certificado de participação gratuito emitido.

Cleide Soares é uma especialista em formação de agentes e espaços de leitura no país e no exterior. Ela já atuou na formação de mais de 20 mil auxiliares de biblioteca e está prestes a ministrar um curso gratuito para estes profissionais dentro da BDB Cultural. “Temos muitos espaços de leitura que têm acervo pequeno, espaço curto e improvisado e, mesmo assim, podem torna-se um diferencial na vida de seus frequentadores, da sua comunidade e da sua instituição, bastando reforçar a importância do elemento humano”, ressalta Cleide.

Uma oficina para atualizar modelos

A “Oficina formativa de auxiliares de biblioteca” é um evento chave para confirmar a vocação da Demonstrativa como referência para a inovação entre os espaços de leitura do país. “Vamos trabalhar do ponto de vista técnico, mas com uma linguagem bastante simples, para receber a demanda de interessados com diferentes realidades sociais: quem já é da área, quem chegou agora, apresentar de forma simples e eficaz as formas de manter uma biblioteca organizada e ativa na comunidade”, completa Cleide.

“Conheço uns 4 mil municípios brasileiros, viajei pelo país e conheci bibliotecas e comunidades com distintas características. Encontramos muitos espaços com livros meio desgastados, que não são atrativos para a leitura. É preciso transformar a biblioteca em um ambiente acolhedor. Essa é a palavra-chave para uma biblioteca, não é o silêncio. A gente precisa estudar o interesse dos usuários, identificar as potencialidades do lugar e onde o conhecimento pode fazer a diferença naquela realidade. Se estamos em uma biblioteca de uma região rural, por exemplo, o que primeiro devemos ter em nosso acervo são cartilhas e materiais que ajudem na produção da comunidade”, conclui ela.

Sobre a BDB Cultural

A BDB Cultural é uma iniciativa do governo federal, por meio da Secretaria Especial de Cultura, do Ministério do Turismo, em parceria com a Biblioteca Demonstrativa do Brasil Maria da Conceição Moreira Salles (BDB) e, por meio de um termo de colaboração, com a organização social Voar Arte para a Infância e Juventude. A agenda que o projeto executará na BDB segue até março de 2022.

“Com a BDB Cultural, vamos renovar a prática de ser uma referência a outras bibliotecas do país para que elas possam abrir suas asas para voos mais altos e dar vida aos seus espaços”, diz o coordenador-geral da BDB Cultural, Marcos Linhares.

Para saber mais sobre os próximos cursos e eventos oferecidos, acompanhe as novidades da BDB Cultural no Youtube, no Facebook, Instagram e no site da iniciativa.

Sobre Cleide Soares

Cleide Soares é bibliotecária, com pós-graduação nas áreas de Ciência da Informação, Gestão Cultural e Memória Cultural. Foi responsável pela implantação de mais de 10 mil bibliotecas públicas e comunitárias e pela formação de mais de 20 mil auxiliares de bibliotecas e agentes de leitura no Brasil e no exterior. Foi coordenadora da Rede de Bibliotecas Públicas do Distrito Federal, coordenadora nacional do Programa de Bibliotecas Rurais Arca das Letras, coordenadora-geral de Leitura da Fundação Biblioteca Nacional. É Conselheira Regional de Cultura no Distrito Federal, chefe da Biblioteca da Câmara Legislativa do Distrito Federal e coordenadora do coletivo Grito do Livro: Leia Mais!

Serviço:

BDB Cultural – Junho de 2021

“Oficina de formação de auxiliares de biblioteca” com Cleide Soares.

Inscrições abertas até 28 de junho, segunda-feira pelo link

28, 29 e 30/06 – Aula exclusiva para inscritos, transmitida por Zoom, às 19h.

Outras informações:

Site www.bdbcultural.com.br

Facebook.com/bdbcultural

Instagram – @bdbcultural

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

CRB-7 cria Comissão de Articulação Política e inicia o Projeto ArticulaBiblio com live da Deputada Federal Fernanda Melchionna

Próximo post

Projeto que prevê medidas emergenciais ao setor livreiro ganha parecer favorável na Comissão de Cultura da Câmara dos Deputados