2
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

O Grupo Edipro relançará no dia 1 de janeiro os dois maiores clássicos de George Orwell: 1984 e A revolução dos bichos. As novas traduções saem pelo selo Via Leitura e são assinadas por Alexandre Barbosa de Souza, ex-editor da Biblioteca Azul, Cosac Naify e Editora 34. Além de editor e escritor, Souza é responsável pela versão brasileira de grandes clássicos, como Moby Dick e Alice através do espelho. “Sempre consideramos o Alexandre como o nome ideal para esse enorme projeto”, afirma a Publisher da Edipro, Maíra Micales.

Em edição cuidadosamente trabalhada, os livros contarão com brindes especiais em todos os exemplares (dois postais e dois marcadores). As artes dos brindes e das capas são de Carlo Giovani, ilustrador porto alegrense que atualmente vive em Portugal, trabalhando em projetos na Europa e nas Américas. Giovanni trabalha com técnicas de recorte em papel, que conferem uma assinatura única em suas obras.

A revolução dos bichos é uma fábula moderna, que satiriza o totalitarismo, a tirania e a busca pelo poder. Já 1984 é um drama distópico que cristalizou a mítica do Grande Irmão, que a todos vê e controla. Ambas as obras estão entre as mais importantes da história da literatura. Esta nova edição de A revolução dos bichos inclui os prefácios “A liberdade de imprensa”, cujo manuscrito foi descoberto em 1972, e o famoso “Prefácio à edição ucraniana”, de 1947. O livro 1984 inclui o apêndice “Os princípios da novilíngua”.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Pra que serve a utopia?

Próximo post

Pesquisas para conhecer projetos que desenvolvam a leitura e a formação do leitor