Posts na categoria

Matérias em destaque

Entre os dias 19 e 25 de julho foi realizado o XXXVIII Encontro Nacional dos Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência e Gestão da Informação (ENEBD), sediado em São Luís, sob a organização dos estudantes de Biblioteconomia da Universidade Federal do Maranhão (UFMA).

Muito se vê nos eventos e em publicações da área que os campos de atuação do bibliotecário estão cada vez mais se expandindo, não somente pela importância que a informação ganhou na atual sociedade líquida, em que tudo muda a todo o momento e ter a informação certa no momento adequado pode ser um diferencial competitivo para as organizações, mas também porque a internet está se tornando um espaço de atuação.

Em 2015, o Rio de Janeiro está completando 450 anos. Muitas atrações estão sendo organizadas e irão levar muitos turistas a visitarem a cidade. Cristo Redentor, Pão de Açúcar, Jardim Botânico, Praia de Copacabana são os principais locais que atraem turistas do mundo todo.

Este texto representa sinteticamente as perspectivas do projeto de pesquisa intitulado A biblioteca pública como mídia: a construção de um modelo de atuação no brasil, desenvolvido no curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Cariri que busca compreender na articulação teórico-prática os significados de informação na biblioteca, uma nova percepção conceitual de biblioteca pública e a construção da biblioteca pública no Brasil como mídia alternativa, sendo este último um redimensionador do significado de informação na biblioteca.

Leitores aos montes, folheando livros e revistas, acomodados em sofás, encostados às paredes, no chão. É assim, especialmente nos finais de semana, em bookstores do Recife. O acervo da livraria está disponível para venda. Enquanto isso, espalhadas pela cidade, as bibliotecas com acervos disponíveis para empréstimo, gratuitamente, experimentam um desolador ostracismo. Os visitantes de muitas delas se restringem a colegiais, em busca de fontes para pesquisas escolares.

Nascido em Bruxelas, na Bélgica, em 1868, Paul Otlet foi advogado e um visionário na área de Ciência da informação, que ele costumava chamar de “Documentação”. Também foi um idealista e ativista da paz, juntamente com seu parceiro e amigo Henri La Fontaine, engajado em ideias políticas de um novo mundo, promovendo a paz através da difusão global da informação.

O Museu Nacional é uma instituição de renome internacional devido ao seu acervo e às pesquisas realizadas por cientistas vinculados à instituição. Também é um dos pontos turísticos da cidade do Rio de Janeiro, pois se localiza na Quinta da Boa Vista, no Bairro Imperial de São Cristóvão. Infelizmente, a maioria da população brasileira desconhece ou possui pouco conhecimento sobre a mesma.

As contradições do governo no campo educacional

Qual o seu impacto no mercado editorial?

Uma mudança de paradigma em matéria de transparência pública