0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

A data mais divertida do ano chegou também aos museus! A Feambra preparou uma programação especial para os pequenos no mês das crianças. Confiram e aproveitem junto com elas. Recomendamos confirmar a programação com o museu escolhido antes de sair de casa porque ela pode sofrer alterações.

O Museu de Arte do Rio (MAR), no Rio de Janeiro, chama o público infantil para oficinas, atividades educativas e muita diversão. No dia 12, das 10 às 17 horas.

http://www.museudeartedorio.org.br/pt-br

O Museu da Casa Brasileira (MCB), em São Paulo, está com a mostra “Design mirim”, que apresenta mobiliários e objetos de uso cotidiano reduzidos à escala infantil, levando a vida adulta miniaturizada. De segunda-feira a domingo, das 11 às 18 horas, com entrada gratuita.

http://www.mcb.org.br/

O Catavento, em São Paulo, convida para um passeio pelo interior do planeta, partindo do núcleo em direção à superfície, passando pelo manto e pela crosta. Em uma caixa de areia serão projetadas as curvas de nível de um terreno, formando montanhas, vales, planícies, ilhas, lagos e oceanos. De terça a domingo, das 9 às 16 horas.

http://www.cataventocultural.org.br/

O Museu de Santo André apresenta a Fanfarra da EMEIF Profª Therezinha Monteiro de Barros. Dia 6 de outubro, às 14h30.

http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/cidade-de-santo-andre/33-secretarias/cultura-esporte-lazer-e-turismo/184-museu-de-santo-andre-dr-octaviano-armando-gaiarsa

O Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC) convoca a criançada e família para a atividade “Interar-te – Famílias no Museu”, coordenada por Andrea Amaral Biella, com oficina de cartazes lambe-lambes, meio de circulação de ideias poéticas e contestadoras pela cidade.

O programa oferece duas sessões a partir da visita à exposição “Vizinhos Distantes: Arte da América Latina” no acervo do MAC USP: Arte manifesta 1 – que divulga ideias com o uso do mimeógrafo, com oficina de produção de panfletos com propostas críticas, porém poéticas, a partir do uso do mimeógrafo, no dia 12 de outubro, das 10h30 às 13 horas, e Arte manifesta 2 – que divulga ideias com lambe-lambe, no dia 15 de outubro, das 10h30 às 13 horas. Ambas são atividades gratuitas, indicadas para crianças a partir de 6 anos.

www.mac.usp.br

A Pinacoteca de São Paulo celebra o mês da criança com ações destinadas aos pequenos, seus amigos, familiares e professores.

A premiada Banda Mirim, com sua trupe de 14 artistas e sempre combinando linguagens de teatro, música e circo, apresenta um show especial com músicas de seu repertório, no sábado, dia 1º de outubro, das 15 horas às 16h30, no Pátio 1, térreo. Entrada a R$ 6,00 (inteira) / R$ 3,00 (estudante). Crianças com até 10 anos e pessoas maiores de 60 anos não pagam.

O Pinafamília engloba uma série de jogos, atividades e visitas para famílias, que conduzem a uma viagem divertida pelo acervo da Pinacoteca. O objetivo do projeto é favorecer o convívio familiar por meio da arte e da visita a espaços culturais. Todo segundo domingo do mês até dezembro de 2016, das 11 às 15 horas. No Átrio, 2º andar. Entrada a R$ 6,00 (inteira) / R$ 3,00 (estudante). Crianças com até 10 anos e pessoas maiores de 60 anos não pagam.

JogaJunto: jogos que propiciam a interação em grupo e estimulam um olhar atento, curioso e divertido sobre as obras em exposição na Pinacoteca de São Paulo. Dia 12 de outubro, das 11 às 15 horas. No Espaço NAE, térreo. Entrada a R$ 6,00 (inteira) / R$ 3,00 (estudante). Crianças com até 10 anos e pessoas maiores de 60 anos não pagam

A partir da pintura “O rapto de Psiquê”, 1914, de Oscar Pereira da Silva, haverá contação de história em Libras (Língua Brasileira de Sinais), conduzida pela educadora surda Sabrina Denise Ribeiro e pela intérprete de Libras Amanda Lioli. Os interessados não pagam para participar, é uma ação destinada a todos e promove o encontro dessas duas culturas, surda e ouvinte. Dia 29 de outubro, das 15 horas às 15h30. Na sala O Ensino Acadêmico.

Será promovido o encontro para professores à exposição “Vanguarda brasileira dos anos 1960 – Coleção Roger Wright”, para tratar da relação entre arte e educação, e possibilitar reflexões sobre as abordagens possíveis para o ensino-aprendizagem na escola e no museu. Dia 22 de outubro, das 10 às 13 horas. No auditório, 5º andar.

http://www.pinacoteca.org.br/

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Grupo de discussão em coleções especiais jurídicas

Próximo post

Quase metade dos brasileiros vive em cidade sem sala de cinema, diz pesquisa

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *