0
Compartilhamentos
Redefinição de Impressão Google+

Do site cerlalc.org. Tradução e adaptação: Hanna Gledyz.

“Metodologia comum para explorar e medir o comportamento de leitura: o encontro com o digital” é o título da proposta metodológica publicada pela CERLALC – Centro Regional para o Fomento do na América Latina e no Caribe. O seu objetivo é ampliar o alcance dos instrumentos de mediação de comportamento da leitura para dar o devido tratamento às práticas de leitura no ambiente digital.

Durante vários anos, o CERLALC enfatizou a avaliação como um pré-requisito para uma boa gestão. Alinhada com esta ideia, foi publicada em 2011 a “Metodologia comum para explorar e medir o comportamento de leitura”. Esta, como o nome indica, representou uma das primeiras propostas metodológicas para obter indicadores básicos, comum a todos os países da região latino-americana, em relação a este complexo fenômeno que é a leitura. Note-se que, desde a sua publicação, a metodologia foi a base para estudos deste tipo realizados na Argentina (2011), Brasil (2011), Chile (2014), Colômbia (2012 e 2014), Equador (2012) e Venezuela (2012).

Hoje, no entanto, quando as práticas de leitura se tornaram mais complexas, estendendo-se a múltiplos suportes, promovendo formas híbridas e transmidiáticas de consumo e fomentando uma maior alternância entre a leitura e a escrita, tem crescido a convicção de que os indicadores tradicionais utilizados nas pesquisas de medição de comportamento de leitura não estão dando a devida atenção a esses fenômenos emergentes, proporcionado pelo impacto crescente das tecnologias, da informação e da comunicação.

Por esta razão, incluiu-se no Programa Técnico do Centro para o biênio 2014-2015 o projeto “Programa Regional de Indicadores da leitura, do livro e Desenvolvimento”, cujo resultando é o texto intitulado “Metodologia comum para explorar e medir o comportamento de leitura: o encontro com o digital”. Este se baseia na metodologia publicada em 2011, completada e atualizada, a fim de representar melhor o que está acontecendo nesses cenários de transição.

Daí justamente o seu título. Esta nova proposta metodológica busca não só propiciar uma compreensão das questões e medições da leitura mediante a superação da visão “livro determinista”, e a valorização da leitura em tempos fragmentados, entre outras coisas, ela também incentiva um nível maior de análise mediante o entrecruzamento dos indicadores de leitura com as variáveis ​​sociais, econômicas e demográficas.

“Esta atualização”, diz o diretor do CERLALC, Fernando Zapata Lopez, na apresentação do livro, “é o resultado de um longo processo de discussão e troca de ideias que começaram com a nova agenda para o livro e a leitura – motivo pelo qual o Centro voltou aos bons ofícios do consultor argentino Roberto Igarza – e incluiu uma mesa com especialistas de diferentes países, realizada na Cidade do México, com o apoio do Conselho Nacional de Cultura e Artes (CONACULTA), nos dias 8, 9 e 10 de setembro de 2014.

É, portanto, desejo do CERLALC que esta metodologia atualizada não sirva apenas para incentivar ainda mais a reflexão sobre a multiplicidade de práticas que caem sob uma única palavra, leitura, mas que se torne a base para medidas futuras que se realizem em seus vinte países-membros.”

Você pode visualizar e fazer o download da “Metodologia comum para explorar e medir o comportamento de leitura: o encontro com o digital” clicando aqui (em espanhol).

Mais informações:

Edna Patricia Gutiérrez Ortiz

Divisão de Estudos e Formação (CERLALC-UNESCO)

[email protected]

*Título original “El CERLALC publica una propuesta metodológica actualizada para la medición del comportamiento lector”.

Cursos online de qualificação em Biblioteconomia e Ciência da Informação. Acesse!

Comentários

Comentários

Postagem anterior

Mediadores de Leitura

Próximo post

Portal de Periódicos a Capes

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *